Extrato de baunilha caseiro

Uma receita prática e deliciosa de extrato de baunilha

Certamente você já sentiu o aroma maravilhoso da baunilha em algum perfume ou creme.

Mas você sabia que essa é uma especiaria incrível para temperar doces e frutas?

Então, aproveite esse post e aprenda a fazer o seu extrato de baunilha caseiro super prático e gostoso.

Extrato de baunilha caseiro

Qual é a diferença entre essência e extrato?

É provável que você já tenha visto a essência de baunilha nos supermercados ou outras lojas desse segmento, mas você sabia que tem diferença entre a essência e o extrato?

Ou seja, a essência, geralmente industrializada, contém aromatizantes que remetem ao sabor da baunilha.

Por outro lado, o extrato é produzido realmente com a fava da baunilha, que provém da flor de uma orquídea e parece uma pequena vagem, de coloração castanho-escuro.

Como fazer o extrato de baunilha caseiro

Posso usar outra bebida no extrato?

Assim como a fava de baunilha é uma característica do extrato caseiro, outra é a infusão alcoólica, onde você mergulha essas favas de baunilha em uma bebida.

Embora seja mais comum a utilização da vodka, por ser mais neutra, pode ser feito com a cachaça também, por serem bebidas com alto teor alcoólico.

Como armazenar seu extrato?

Embora essa seja uma receita muito simples, é importante tomar cuidado em como armazena o seu extrato caseiro.

Nesse sentido, dê preferência aos vidros em tons mais escuros.

Se acaso você só tenha garrafas transparentes, deixe guardado longe da luz.

Loja naminhapanela

By Cami

A cami cuida de toda a curadoria de conteúdo, concepção de receitas, estratégia digital e do food styling do naminhapanela. E tem sempre uma receita de família para testar e trazer por aqui.

29 comments on “Extrato de baunilha caseiro”

Vanessa,
É tão facinho… vale a pena tentar :-)
Quero saber essa história haahahahahaha
Angela,
Eu comprei no site, eles se enrolaram um pouquinho para enviar, mas chegaram. Os produtos são ótimos e o atendimento é bacana tbm…

Fiz uma pergunta sobre extrato de baunilha em outro post, mas somente agora vi o link na receita de alfajor sobre o SEU extrato. Adorei! Grata por compartilhar seus conhecimentos, muito grata mesmo.

Boa noite! Descobri o seu blog hoje e não consigo parar de explorar as receitas e dicas.
Sei que muitos elogios já foram feitos, mas o que mais gosto em blogs é a leitura leve e agradável, e a sua forma de colocar as receitas é tão simples e suave, e é como se estivéssemos à mesa, esperando ficar pronto para poder comer com você.
Enfim, estou adorando.
Minha dúvida quanto ao extrato na verdade é na forma de guardar as favas. Explico: no site que você indicou tem uma promoção para comprar 10 favas e ganhar mais 2. Mas como guardar as favas e mais, por quanto tempo elas podem ficar armazenadas sem estar na vodka.
Desde já agradeço e continuarei a exploração super saborosa…
Bjks!

ô renata, quanto carinho…
as minhas favas vieram em 2 embalagens separadas e embaladas a vácuo. mas eu guardei ela aberta por 1 mês e segurou tranquilo :-)

Cami querida!
Não estou conseguindo abrir o site q vc indicou pra comprar as favas, será que sou só eu, ou o site caiu depois de todos os seus leitores ficarem enlouquecidos? rs.
Adoro seu site, parabéns!

Suas fotos são maravilhos!!Assim como vc, amo cozinhar. E fotografar é outra paixão!! Vc quem tira as fotos? Qual é sua câmera e objetiva? Eu ando tentando fotografar alimentos…

Oi Roberta… aquele site saiu do ar, até retirei o link dele do post :-(
Mas hoje em dia você encontra pela internet com mais facilidade ;-)

Olás, tudo bem?

Cami, comprei uma Vanilla sp. e, depois de 9 anos, ela floresceu. Polinizei manualmente as orquídeas e, depois de 9 meses, colhi as favas, processando por mais alguns meses até elas ficarem ok para colocar num litro de vodka, noutro de álcool e, na real, está faltando alguém com conhecimentos culinários me dizer se essa minha baunilha é boa… Eu senti um odor maravilhoso enquanto fazia o 1o processamento, mas não tenho certeza quanto ao depois de extrair com álcool… Você toparia “provar”? Eu poderia te enviar dois vidrinhos, se aceitar :)

Muito obrigada!
Liura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *