fbpx

pula fogueira iaia…

meu aniversário de 1 ano foi inspirado em festa junina, assim como o de 2, 3.. 10, enfim… depois de toda essa lavagem cerebral, teria como não gostar? depois que vim morar em Recife, percebi as enormes diferenças entre as festas do Rio e as daqui. Aqui dia 24 é feriado, as comidas giram em torno do milho e o pessoal acende fogueira, mesmo não estando frio. No rio, as comidas tem muito amendoim, se comemora até julho mudando o nome para festa julina, rs…

e o naminhapanela não ia ficar fora dessa né, e por isso separamos umas receitinhas deliciosas que misturam um pouco das minhas raízes cariocas com as maravilhas que aprendi a comer por aqui…

#bolos

a pessoa aqui é louca por bolo de milho e por isso este blog tem várias receitas deliciosas! Esse bolo de fubá de liquidificador com goiabada é uma delícia e fofinho demais! o outro, feito com flocos de milho é uma opção diferente e nem por isso menos gostosa!

esse bolo de fubá com leite de coco fica fofinho, molhadinho e o seu cheiro invade a casa toda…enquanto esse bolo cremoso, leva milho em lata e leite condensado e tem a promessa de desaparecer rapidinho, rs…

#doces

canjica, munguzá, chá de burro, o nome pouco importa, o mais importante é que é bom demais. a versão com leite condensado e paçoca é capaz de deixar qualquer um com água na boca e a versão tradicional só com leite de coco, promete fazer tanto sucesso quanto. e para fechar os doces, não podia deixar passar o crocante amendoim doce, que você pode fazer usando canela ou chocolate (ou os dois, rs).

#os salgados

tudo bem que no são joão a maioria das comidinhas são doces, mas vamos combinar que dá pra fazer muita coisa boa com milho né? minha enorme paixão por cuscuz faz eu comer a qualquer momento, seja incrementado como na receita, como na receita basicona.  e para quem se arrisca no pão, que tal esse de milho q fica ainda mais gostoso no dia seguinte…

e o versátil fubá dá 2 receitas que tem a mesma base: a polenta, que nessa versão vem assada no forno e o angú, que conforta a alma de quem come.

tira a camisa xadrez e o chápeu de palha do armário, faça maria chiquinha e vamos aproveitar ao som da sanfona.

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + 6 =

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

9 Comments
  • GIRLENE SANTOS
    junho 19, 2011

    Sou Pernambucana e uma das festas que mais gosto é o São João.
    Adoro as comidinhas…pena que não posso comer. Imaginem…gravidinha de 5 meses e diabética!?
    Quando entro em uma padaria próximo a minha residência meu namorido me segura para eu não cair na tentação.
    Quanto as receitas, vou fazer o bolo de fubá no liquidificador com goiabada para levar para a festa no sítio de meus pais onde comemoramos nosso São João.
    Bjos.

    • cami
      junho 23, 2011

      ohh girlene, morri de pena de vc… mas não tem nenhuma das comidinhas de milho na versão diet não???

  • Núbia
    junho 19, 2011

    Adoro esta época, pq adoro tudo que é de milho… Fiquei com água na boca de ler este post…
    Bjs,

  • Cozinha Perfumada
    junho 19, 2011

    Que legal Cami! Quantas opções de comida junina para curtir em grande estilo esse São João né! hahaha Adorei!! Beijos Tereza

    • cami
      junho 23, 2011

      Tereza,
      são joão precisa ser comemorado né??? rs…

  • Joana
    junho 19, 2011

    Ai meu Deus!!!! Socorro. Amo demais esses doces. Pé de moleque de rapadura, arroz doce e canjica doce branquinha… aff
    Amo bolo de fubá cremoso e de aimpim tb…
    Regime, regime, regime…
    Beijinhos

    • cami
      junho 23, 2011

      Joana,
      eu amoooo pé de moleque com rapadura e arroz doce, vou incluir na minha listinha de à fazer!

  • Cristina Alves
    junho 11, 2015

    Amei o blog. Caí aqui meio que de paraquedas e amei. Já está salvo nos meus favoritos. Gostei muito da receita de cajuzinho da sua mãe. Tenho uma receita boa mas a dela é muito interessante. Vou te dar uma dica da qual acredito que você possa gostar. Tive uma tia avó que cozinhava super bem. Até os 86 anos de idade ela fazia bolos e doces sob encomenda para festas. Uma fofa! Depois levou um tombo e precisou parar. Mas só morreu com 98 anos. Era dura na queda, em todos os sentidos. rssss ..Enfim, era a tia Candinha. Entre outras coisas, ela fazia um doce para casamento e aniversário com castanha do pará, que também não ia ao fogo. Ela moía as castanhas (nas velhas máquinas caseiras manuais de moer carne), e misturava leite condensado cru. Só isso. Como a castanha tem muito óleo, vai pouco leite. A receita é econômica e rende muito. Ela só misturava os dois ingredientes e depois modelava as bolinhas e passava no açúcar cristal. Só isso! Fiz várias vezes, sem medida nenhuma, e deu certo. Se não conhecer e quiser experimentar, fique à vontade. É o docinho de castanha da Tia :Candinha. Beijo!

Anterior
manter o fio ou abrir o fio da faca?
pula fogueira iaia…